BBOM: Retorno da empresa não passa de mais uma promessa de João Francisco


Este artigo tem o apoio de:





joão franciscoAs informações sobre o retorno da BBOM estão causando frisson e confusão entre os milhares de associados que investiram dinheiro na empresa.

Apesar dos acessos aos Escritórios Virtuais (Back Offices – B.O.) estarem liberados, os recursos da ordem de aproximadamente r$ 300 milhões continuam bloqueados e a justiça não emitiu nenhuma sentença liberando o montante para que a empresa possa devolver aos associados ou reutilizar nos seus negócios.

O presidente da empresa, João Francisco, reiteradamente tem publicado vídeos, anunciando o tão sonhado retorno, inclusive assumindo o compromisso e agendando data para devolver os recursos bloqueados, independente da liberação dos recursos pela justiça, mas a promessa nunca foi cumprida.

  • “Soltem seus gritos – nossa empresa é séria, ética, sustentável e jamais alguém terá um centavo de prejuízo! Sim, voltamos ao mercado com uma proposta de trabalho e remuneração jamais vista em todo planeta…., e podem ter certeza, nos próximos anos nada se assemelhara! Nossa estrutura física já se encontra a sua disposição e com orgulho você poderá apresentar a seus convidados!! Pois esta estrutura foi criada para você! Que já faz parte do melhor negócio do mundo!!”, comemorou o presidente da Bbom.

Ao ser entrevistado, uma das principais lideranças da empresa, que pediu para ter seu nome mantido em sigilo, foi direto: “Isso não passa de mais uma tentativa de iludir pessoas para um novo negócio no qual terão que fazer novos investimentos. O que eu quero saber é como vai ocorrer a devolução dos recursos que temos de saldo e foram bloqueados pela justiça. A empresa prometeu devolver, independente da decisão da justiça, mas até agora nada foi resolvido ou sequer existe uma clara orientação sobre isso”, afirmou.

Apesar das promessas e liberação de acesso ao B.O., nenhuma proposta clara foi apresentada aos associados no tocante a forma de devolução dos recursos investidos.

Fonte: AcreAlerta

Presidente faz novas declarações em vídeo, lança nova COF mas não garante prazo de devolução:

Qual a SUA Opinião sobre Este Artigo? Comente aqui:

comentários

Receba as notícias MAIS QUENTES do Marketing Multinível por E-Mail :
Subscrever